Meu Metro Quadrado

#casasdojardim – Como a idéia começou?

3 de dezembro de 2018


Esse post está para ser escrito há dois anos, que é mais ou menos quando a história desse projeto começou, mas por um motivo ou muitos ele só saiu agora. Hoje, as vésperas da entrega do CASAS DO JARDIM, a gente começa a contar como essa história toda rolou.

A história é bem comum, principalmente em bairros residenciais –  vê se você se identifica.

Uma casa de 30 anos, que já abriu alegremente uma família de 4 e com a saída dos filhos ela passou a ser grande demais. A pesar de térrea e “enxuta” para os termos de uma casa, o jardim era grande demais, muitos cômodos que nem se entra mais, e um imóvel que invariavelmente já não tinha nem mais os apelos para uma nova família, nem mais servia para a família que morava ali. O conceito de morar mudou bastante nesses 30 anos e a valorização da região também.

O Jardim Anchieta, loteamento onde o projeto está localizado, data do final dos anos 70 início dos anos 80. Uma época em que grandes empresas se instalaram na Bacia do Itacorubi (as Universidades, Eletrosul, Celesc, etc) – foi mais ou menos a partir daí que o loteamento começou a se desenvolver e nele se formou um bairro com bom poder aquisitivo, alto índice de escolaridade e nasceu uma geração que brincava na rua, ia a escola a pé, frequentou as Universidades vizinhas e provavelmente foi embora depois de mais velho ($$).

 Nesse vídeo você conhece um pouco mais sobre o Itacorubi 

Quem ficou, se viu com uma casa grande demais, sem muito apelo as novas gerações e que não se encaixava na nova rotina.

O desafio foi criar uma casa que fosse atrativa a essa nova geração que está voltando ao bairro – prática, moderna, enxuta e com ótimo custo benefício.

DADOS DA CASA ANTIGA:

Terreno: 510m2

Área ConstruÍda: 270m2

Tipologia: 3 quartos (1 suite) + 2 vagas – planta & arquitetura desatualizada

 

DESAFIO: Três novas casas – que tivessem a área de um grande apartamento + apelos de uma pequena casa.

Detalhe: quando a gente desenvolve um produto imobiliário temos que equilibrar algumas variáveis bem importantes: DEMANDA (o que as pessoas querem como moradia) + PREÇO (o quanto o público da região pode pagar) + PLANO DIRETOR (ou seja, o quanto as regras do município me permitem construir ali).

DADOS DA CASA NOVA:

Terreno Jardim Casa 1: 31,68m2

Área ConstruÍda: 138,60 m2

Tipologia: 3 suites + 2 vagas + churrasqueira –  planta & arquitetura atuais

Duas das casas, já foram vendidas e a com o maior jardim ainda está a disposição.

Casa 03 - Vendida

E aí, se interessou pelo projeto? Vamos marcar um visita?

 

Deixe seu comentário

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

@meumetroquadrado